Ivan Jubert Guimarães


Sem ti, sou ave sem norte,
Só, eu me desvio do caminho,
Vida vazia como se fosse a morte!



Ivan Jubert Guimarães

Direitos reservados ao autor