Ivan Jubert Guimarães
16/04/2010


Mais uma vez viajei no tempo,
Ao som de uma linda melodia,
Desfrutei de um belo momento,
Com a harmonia da cotovia.


Maravilhei-me com esta viagem,
Indo a lugares nunca antes visitados.
Abrindo caminhos, pedindo passagem,
Sozinho comigo, sem estar isolado.


Passei por estepes, colinas e clareiras,
Por campos floridos e perfumados,
Até que a noite caísse e me visse cansado.


Parei à beira de um riacho com corredeiras,
Águas rasas, límpidas, com sede só por vê-las,
E à beira da água estrelada passei a beber estrelas.

 


Ivan Jubert Guimarães
 

Direitos reservados ao autor