Ivan Jubert Guimarães
04/04/2011



Já não sei mais o que esperar da vida,
Ela passa mais depressa do que quero,
As ilusões que tinha foram perdidas,
E por isso eu não sei mais o que espero.


O sentimento que me aflige é uma tortura,
Que aos poucos endurece meu coração,
Sinto que me falta carinho e ternura,
Sinto vontade de viver uma grande paixão.


É melhor ter desilusão do que viver iludido,
E a paixão não é eterna como se pensa;
Ela esfria com o tempo e tudo fica perdido.


A felicidade que se tem é sempre pouca,
Quero uma mulher linda em minha presença,
E saciar minha vontade de um beijo na boca!



Ivan Jubert Guimarães


Direitos reservados ao autor