Ivan Jubert Guimarães


De repente foi como se o mundo desabasse;
Um abismo abriu-se esperando-te cair,
Mas antes que a desgraça sua mão tombasse,
Eis que surge no horizonte um novo porvir.


Sentir de novo tua mão em busca de ajuda,
Deu-me alento embora sofresse com tua dor;
Pois foi com tua alma deixando de ser muda,
Que voltei, depois de anos, a te ouvir falar de amor


A felicidade é muito cara, mas tem seu preço,
Se não me amas como eu gostaria,
Certamente me queres mais do que mereço.


A paz voltou e com ela um sentimento enorme;
E para manter este amor vivo, dia após dia,
Hei de fazer vigília até quando você dorme.



Ivan Jubert Guimarães


Direitos reservados ao autor