Ivan Jubert Guimarães
20/02/2013


Quando surge nas manhãs por entre os prédios,
Minha alma se enche de calor e contentamento;
A luz que dele emana é um santo remédio
Que produz cura apenas com o pensamento.


O céu azul deixa o dia tão bonito e cheio de paz;
É possível observar toda a beleza das cores,
Diante disso, o medo some e torno-me audaz,
Fico alegre, rio na rua e sinto o cheiro das flores.


Crianças brincam felizes nos parques e nas ruas,
E o mundo parece ficar mais feliz a cada instante,
Pois as crianças retomaram coisas que eram suas.


Ouve-se o canto dos pássaros e até de um rouxinol;
E essa felicidade se espalha de tão contagiante;
E é sempre assim quando se vê o nascer do Sol!



Ivan Jubert Guimarães

Direitos reservados ao autor
 

 

 

Midi: Sol Nascente

 

 

 

 

 

 

 

LIBERDADE