Ivan Jubert Guimarães
06/01/2012


Não sei o que se passa comigo,
E nem sei por que faço o que faço,
O que me impele? Nada consigo!
Sei que preciso dar o primeiro passo.


Na Natureza está tudo o que preciso,
Sei que a felicidade brota dentro de mim,
Mas caminho pela vida com passo indeciso,
E me perco numa busca que não tem fim.


Perdi a alegria pela minha vida,
Mas não desejo a morte que se aproxima,
Ainda tenho uma missão a ser cumprida.


Sou como uma ave sem ninho,
Um poeta que faz uma obra prima
E a entrega para o canto de um passarinho.


Ivan Jubert Guimarães

Direitos reservados ao autor
 

 

Midi: Alouette - Denise Emmer