Ialmar Pio Schneider
06/59


O lírio tem a cor da alva pureza,
O lírio encanta embelezando os lares,
O lírio é triste mas a sua beleza
Desce do céu e vem para os altares...


O lírio enfeita toda a natureza,
O lírio espalha o seu odor nos ares,
O lírio leva do mundo a impureza,
Derramando na terra os luares...


Fez Deus o lírio da cor da candura
Para que viva sempre na natura,
Proporcionando-nos celeste olor.


Jamais a terra ficará impura,
Permanecendo no mundo esta alvura
Dos lírios brancos, cândidos de amor.


Ialmar Pio Schneider


Direitos reservados ao autor