Ivan Jubert Guimarães
25/02/2012


A partir de hoje uma nova vida começa;
Sem choros, sem lágrimas, sem dor;
Basta seguir meus passos sem pressa,
Para que eu veja meu próprio valor.


Sozinho, estou me conhecendo melhor,
Reconheço os erros e acertos da vida,
E hoje sei as lições da vida de cor,
E em Deus tenho buscado a guarida.


Claro que às vezes a solidão me afeta;
Mas a perda se deu faz tempo, não agora,
Vou seguir meu caminho em linha reta
E procurar esquecer o que houve outrora.


Estou renascendo para o mundo,
E não quero perder mais tempo,
Vou viver intensamente cada segundo,
Sem me preocupar em ser exemplo.


Sempre fiz as coisas à minha maneira,
E hoje, vou fazê-las com mais vontade,
Vou viver um amor como da vez primeira,
E depois morrer sem deixar saudade.


Não que eu deseje a morte, por favor,
Nada poderá matar este poeta,
O corpo claro irá perder sua cor,
Mas continuarei em busca de minha meta.


Sei que a muitos pode parecer pessimismo,
Mas, longe disso, estou muito confiante.
Piso em solo firme, longe do abismo,
E meus passos seguem avante.


Não mais sofrer por quem não me quer,
Chega de viver chorando pelos cantos,
Sinto falta dos carinhos de uma mulher,
Mas sei que vou encontrar meu acalanto.


A vida passa cada dia mais depressa,
E não posso mais ficar aqui parado;
Não vou aguardar mais por promessas
Que só me deixam desesperançado.


A vida é linda quando se tem um objetivo,
Tenho o meu, desde que era um colegial,
Escrever e praticar o bem, ser afetivo,
Jogar o jogo até que Deus dê o apito final.


Ivan Jubert Guimarães

Direitos reservados ao autor

 

Midi: Beautiful Dreamer