O Silêncio do Cantor

Joubert de Carvalho
David Nasser
 

 

Ivan Jubert Guimarães
14/03/2014



Quando eu deixar de escrever
Quando eu nunca mais rimar,
Os amores e minhas paixões,
Se a inspiração for embora,
É porque o coração hoje chora
A dor da separação.


Quando meus versos perdidos,
Se tornarem esquecidos,
Não passarem de uma ilusão,
Eu continuarei à procura
Mesmo que numa noite escura,
A luz que acende meu coração.


E aí talvez eu seja lido,
Por um coração que ainda sente,
E que esteja disposto a me amar;
E se eu só sei fazer poesia,
Hei de encontrar a alegria,
De um poeta ao se apaixonar.


Ivan Jubert Guimarães


Direitos reservados ao autor
 

 

Midi:João Dias - Silêncio Do Cantor - Joubert de Carvalho e David Nasser