Ivan Jubert Guimarães

15/11/2016


Um grande amor que foi sentido,
E que nunca pode ser vivido
Ainda preenche a minha mente,
Já que nunca foi esquecido.


Cada vez que penso nela,
Meu coração bate mais forte;
Por onde andará a mulher bela
Que despertou o amor em mim?


Meu amor por ela é tão profundo,
Que nenhuma das mulheres do mundo
Poderá fazer com que dela eu esqueça,
Pois eu a carrego na lembrança.


Talvez ela nunca mais me apareça,
Lembro-me dela com muita saudade,
E conservo comigo muita esperança
De um dia estar com ela na eternidade!


Ivan Jubert Guimarães

Direitos reservados ao autor

 

Midi: Em algum lugar do passado - instrumental