Ivan Jubert Guimarães
11/12/2008
Para Jaime e Juliana


Só aos fortes são dadas cruzes para carregar,
Pois que os fracos nunca saem do lugar;
O peso da cruz é, no fundo, o que menos importa,
Pois Deus escreve certo numa linha que é torta.
 


Muitas vezes duvidamos de nossa capacidade,
Achamos impossível alcançar a felicidade,
Por desconhecermos que ela está ao nosso alcance,
Mesmo que pareça estar sempre tão distante.
 


Outras vezes achamos que a esperança está perdida,
E nem lembramos que a maior dádiva é a própria vida.
E assim deixamos que nossa fé se esmoreça,
E passamos a sofrer antes que a dor aconteça.
 


Quanto mais difícil for a luta pela sobrevivência,
Tanto mais teremos que exercitar a paciência,
E tentar entender que tudo o que nos acontece,
É simplesmente porque é o que a gente merece.
 


Aquilo que julgamos ser apenas sofrimento,
Nada mais é do que um pequeno tormento,
Através do qual atingiremos a evolução,
E quanto mais chorarmos, mais limpo fica o coração.
 


Some o gosto da derrota e chega o sabor da vitória,
E é assim que construímos nossa própria história,
Seremos felizes, saudáveis e cheios de paz.
Agradeçamos a Deus, ele sempre sabe o que faz!



Ivan Jubert Guimarães


Direitos reservados ao autor